1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...

Consulta Bolsa Família

Milhares de famílias carentes e em situação de pobreza ou de extrema pobreza se beneficiam com o programa Bolsa Família todos os meses, garantindo assim o mínimo de sustento para superar a vulnerabilidade que a falta de oportunidades proporciona.

O Bolsa Família é um programa social criado pelo governo federal com o intuito de transferir renda diretamente para famílias previamente selecionadas. O projeto visa garantir a essas pessoas o acesso à alimentação, à educação básica, evitando a evasão e o trabalho infantil, e também à saúde.

Consulta Bolsa Família

Consulta Bolsa Família

Já foram beneficiadas, aproximadamente 14 milhões de grupos familiares, que são atendidas pelo Bolsa Família continuamente. Para ter participação garantida tem uma série de pré-requisitos que são determinados pelo governo. Quem já recebe, tem a chance de fazer a consulta bolsa família.

Consulta Bolsa Família 2017

Famílias que já recebem a ajuda financeira do Bolsa Família têm algumas maneiras de fazer a consulta de saldo, podendo ser por: Cartão Bolsa Família, pelo Cartão Cidadão, pelo cartão da conta corrente e até mesmo pela internet.

É importante saber que, casa responsável familiar e os membros de sua família, possuem um sistema mais indicado para fazer a consulta de saldo do benefício. Um modo pode se adequar à sua família, mas pode não se adequar à outra. Deve ser uma forma mais simples para cada um e também de fácil acesso.

Por isso é válido conhecer todas as formas de consultar bolsa família, para que cada um entenda e escolha qual é o que mais se adequa ao estilo de vida.

Consulta pelo Cartão Bolsa Família

O beneficiário do Bolsa Família que já recebe a quantia determinada, tem um cartão chamado bolsa família. Esse cartão deve estar sempre com o representante familiar, pois é o que identifica o benefício e possibilita o saque. Para consultar o saldo com ele, basta ir a uma casa lotérica ou a um caixa eletrônico de qualquer agência da Caixa Econômica Federal, seguir as instruções da tela, e tirar o saldo Bolsa Família. Além de ver o saldo, com o cartão você consegue tirar um extrato completo, que mostra todas as operações realizadas com o cartão.

Consulta através do Cartão Cidadão

O Cartão Cidadão também pode ser utilizado pelas famílias brasileiras para receber o benefício do Bolsa Família. Essa é uma escolha muito recorrente, já que esse cartão possibilita receber também outros benefícios como o Seguro Desemprego, FGTS, entre outros.

A consulta Bolsa Família com o Cartão Cidadão é feita nos caixas de autoatendimento (eletrônicos) ou em caixas internos de qualquer agência da Caixa Econômica Federal. As lotéricas também podem fazer essa consulta para você.

Consulta através do Cartão da Conta Corrente

Quem tem conta corrente da Caixa Econômica Federal pode optar por receber o benefício do bolsa família através do cartão da própria conta. Não é obrigatório ter uma conta na Caixa para garantir a ajuda do programa, mas essa pode ser uma escolha do beneficiário.

Para consultar bolsa família com esse cartão, basta ir a qualquer caixa eletrônico ou em qualquer casa lotérica e pedir para tirar o saldo. Como o cartão da conta corrente mostra todas as movimentações realizadas, requer mais atenção na hora de identificar o benefício.

Consulta Através da Internet

O governo também disponibilizou uma forma fácil de consultar bolsa família, através da internet. O processo é garantido pelo Sistema de Benefícios ao Cidadão – SIBEC – https://www.beneficiossociais.caixa.gov.br/consulta/beneficio/04.01.00-00_00.asp

Ele dá a chance de consultar de três formas: colocando o UF (estado onde reside), colocando o município ou colocando dados da família. Para finalizar o processo de consulta, é necessário informar o número do NIS, o nome e também uma senha de seis dígitos. Você terá que selecionar a opção “Consulta Benefícios por Família” e preencher os dados exigidos para ter acesso à consulta do saldo.

Bolsa Família Calendário 2017

Muitas famílias têm se preocupado com a atual situação do país e pela iminência de ter o programa bolsa família cancelado, assim como os benefícios recebidos. Entretanto, a situação é de espera pela definição do governo, que deve acontecer somente no início do ano de 2017.

Se pegarmos como base o calendário disponível pelo Orçamento da União no início de 2016, os valores praticados em 2017 serão os mesmos, se não sofrerem reajustes para menos ou para mais. O calendário é atualizado todos os anos, então, provavelmente teremos acesso em 2017.

Mas o ministro Henrique Meirelles tem constantemente alertado sobre a possibilidade de precisar cortar o benefício do bolsa família.

A continuidade ou não do bolsa família depende de diversos fatores, incluindo a situação econômica e o momento político em que o país se encontra. Mas é importante manter a calma.

Bolsa Família Cadastro

Para se candidatar ao programa, é necessário que a família esteja inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal, com seus dados atualizados há menos de 2 anos.

Caso atenda aos requisitos de renda e não esteja inscrito, procure o responsável pelo Programa Bolsa Família na prefeitura de sua cidade para se inscrever no Cadastro Único.

E mantenha seus dados sempre atualizados, informando à prefeitura qualquer mudança, como de endereço e telefone de contato e modificações na constituição de sua família, como nascimento, morte, casamento, separação, adoção, etc.

Bolsa Família Cadastro

Bolsa Família Cadastro

O cadastramento é um pré-requisito, mas não implica na entrada imediata das famílias no programa, nem no recebimento do benefício. Mensalmente, o MDS – Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome seleciona, de forma automatizada, as famílias que serão incluídas para receber o benefício.

Para receberem o benefício, as famílias devem estar adequadas ao perfil do programa e terem seu Cadastro Único atualizado com certa frequência.

O pagamento das parcelas do benefício se dá através das agências da Caixa Econômica Federal e o valor das parcelas varia de acordo com a necessidade de cada família. No entanto, dúvidas sobre como consultar o saldo do Bolsa Família surgem constantemente, e a partir disso, resolvemos explicar como funciona o processo de consulta de saldo do benefício.

As famílias extremamente pobres são aquelas que têm renda mensal de até R$ 85,00 por pessoa. As famílias pobres são aquelas que têm renda mensal entre R$ 85,01 e R$ 170,00 por pessoa. As famílias pobres participam do programa, desde que tenham em sua composição gestantes e crianças ou adolescentes entre 0 e 17 anos.

Liberação Bolsa Família

A seleção das famílias é feita pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, com base nos dados inseridos pelas prefeituras no Cadastro Único dos Programas Sociais do Governo Federal. A seleção é mensal, e os critérios usados são a composição familiar e a renda de cada integrante da família.

Para saber se você foi incluído no programa, consulte o responsável pelo programa na prefeitura de sua cidade ou consulte a lista de famílias beneficiárias no seguinte link: https://www.beneficiossociais.caixa.gov.br/consulta/beneficio/04.01.00-00_00.asp

Aplicativo Bolsa Família

Outra forma moderna de conhecer o saldo do bolsa família é através do aplicativo do programa. É um app criado especialmente para as famílias acompanharem o pagamento e outras informações por meio do celular, com praticidade e rapidez.

Passo a passo para usar o aplicativo:

  • Abra o menu do aparelho
  • Procure o ícone da loja de aplicativos do seu celular
  • Para Android, acesse pela Google Play. Para iPhone, pela Apple Store. E para Windows Phone, pela Windows Store.
  • Na busca, digite Bolsa Família
  • Toque no ícone amarelo com o nome Bolsa Família
  • Toque em instalar e depois em aceitar e aguarde a instalação
  • Toque em abrir e depois informe o NIS