1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

Crédito para MEI – Microempreendedor Individual

Quem busca por mais profissionalização e crédito com mais facilidade deve considerar a opção de se tornar um MEI – Microempreendedor Individual. Esses empresários estão tomando conta do mercado brasileiro, inovando o próprio negócio e criando mais oportunidades para centenas de pessoas.

Se tornar um MEI pode ser muito vantajoso: a sociedade lhe enxerga com melhores olhos, você pode emitir notas fiscais e passar mais segurança aos seus clientes, além de conseguir obter crédito das entidades financeiras com muito mais facilidade. Veja agora mais informações sobre quem é MEI.

Portal do Microempreendedor

O governo federal liberou um portal que serve de apoio a todos os microempreendedores individuais e àqueles que desejam se tornar um. Nesse portal é possível tirar todas as dúvidas sobre a profissão, se formalizar, emitir certificados e conhecer um pouco mais sobre o ramo.

Microempreendedor Individual. (Imagem: Divulgação)

Microempreendedor Individual. (Imagem: Divulgação)

O Portal do Empreendedor disponibiliza uma série de serviços para quem já é ou pretende ser um MEI. Além de poder se formalizar de forma gratuita pelo site, o MEI pode emitir o seu certificado, pagar sua contribuição mensal e muito mais, com poucos cliques e em menos de cinco minutos.

Consulta MEI

Todos os estados brasileiros possuem um site da Receita Federal, por onde podem realizar consultas, obter informações e mais uma série de serviços. Nesse site também é possível consultar o CNPJ ou até mesmo o MEI, para descobrir se ele já entrou no sistema da receita.

Na maior parte dessas consultas é preciso que o cidadão informe apenas o seu CPF e a data de nascimento, em outras é solicitado também o CNPJ.

Microempreendedor Individual. (Imagem: Divulgação)

Microempreendedor Individual. (Imagem: Divulgação)

Sebrae MEI

O Sebrae – Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – é um dos órgãos parceiros do Portal do Empreendedor. Isso significa que em algumas unidades do Sebrae espalhadas pelo país inteiro você também pode se formalizar e tirar suas dúvidas sobre a profissão.

Além disso, por meio do site do Sebrae você obtém todas as informações sobre a vida e obrigações de um MEI.

Quem Pode ser MEI

Para se tornar um Microempreendedor Individual o cidadão precisa preencher alguns requisitos, como, por exemplo, ter um rendimento anual de até R$60 mil. Se você tiver um rendimento bruto anual nessa faixa e exercer uma atividade que seja permitida pelo MEI, poderá se formalizar.

Há uma lista enorme de atividades que são permitidas pela Lei do MEI, todas elas você encontra no Portal do Empreendedor.

Declaração MEI

A Declaração do MEI é uma obrigação da profissão e deve ser realizada todos os anos. A DASN-MEI, como é chamado, significa Declaração Anual de Faturamento do Simples Nacional. O MEI deve fazer um relatório de todas suas receitas obtidas durante o respectivo ano, obtendo um modelo pronto da internet, apenas efetuando o seu download e preenchendo-o.

Microempreendedor Individual. (Imagem: Divulgação)

Microempreendedor Individual. (Imagem: Divulgação)

Depois de conferir o valor de cada nota fiscal, o MEI deve enviar a declaração até o dia 31 de maio do ano seguinte, pela internet, no site do Portal do Empreendedor.

Atividades MEI

A Lei do MEI aprova uma série de atividades que podem ser realizadas por essa profissão. No portal, acesse a área de Serviços e depois clique em “O que um MEI pode fazer?” para conferir a lista completa de atividades.

Recomendados para você: