1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem avaliações)
Loading...

O que é e Como Funciona o Capital de Giro?

Você já ouviu falar em capital de giro? Sabe da importância dele para uma empresa? Qual sua função? O capital de giro é essencial para você que deseja abrir uma empresa, pois ele é usado para “financiar” as operações da empresa no dia a dia, como compras para abastecer o estoque ou até mesmo gastos operacionais.

Se você está pensando em abrir o seu próprio negócio, entenda agora mesmo o que é e como funciona o capital de giro.

O que é e Como Funciona o Capital de Giro?

O capital de giro é um determinado valor que a empresa possui para financiar suas operações; tal valor é utilizado para disponibilizar financiamentos aos clientes nas vendas a prazo, comprar objetos e produtos para o estoque, além de ser usado também para pagar os fornecedores, impostos, salários e outros custos.

Como Funciona o Capital de Giro. (Imagem: Divulgação)

Como Funciona o Capital de Giro. (Imagem: Divulgação)

Toda empresa precisa ter uma boa quantia de capital de giro para arcar com todos esses gastos durante o mês. O capital de giro é um valor que possui ligação com as contas financeiras da empresa.

Como Calcular Capital de Giro

Toda empresa precisa saber como calcular o capital de giro, pois assim saberá o valor exato de que precisa durante o mês para financiar suas atividades e se manter na ativa. Toda empresa possui dois tipos de investimentos, sendo um deles o capital de giro, que consiste em uma reserva de recursos para as necessidades financeiras da empresa.

De todos os ativos da empresa, cerca de 50% a 60% são referentes ao capital. O cálculo do capital de giro tende a ser influenciado pelo volume de vendas, compras, prazos de estocagem e outros fatores. Para calcular você deve usar a seguinte fórmula: CGL = AC – PC, onde AC significa ativo circulante e PC passivo circulante.

Como Funciona o Capital de Giro. (Imagem: Divulgação)

Como Funciona o Capital de Giro. (Imagem: Divulgação)

Capital de Giro Próprio

O capital de giro próprio nada mais é do que o resultado da diferença entre o ativo circulante e o passivo circulante. É o valor que você tem reservado para arcar com os custos operacionais da empresa e efetuar o pagamento de seus funcionários.

Aplicando a fórmula mencionada anteriormente você obterá o resultado de capital de giro próprio.

Capital de Giro Liquido

O capital de giro líquido possui muitas semelhanças com o capital de giro, mas há uma única diferença que torna cada um único. O capital de giro é uma reserva responsável por fazer o negócio acontecer, o dinheiro girar. Está relacionado com a operação da empresa, mas exclui o seu saldo disponível, também chamado de ativo, e os empréstimos, classificados como passivos.

Já no capital de giro líquido esses valores também são levados em conta e o valor encontrado representa a quantia de dinheiro necessária para que a empresa honre com todos os seus gastos.

Como Funciona o Capital de Giro. (Imagem: Divulgação)

Como Funciona o Capital de Giro. (Imagem: Divulgação)

Capital de Giro Contabilidade

Para os iniciantes na área o cálculo do capital de giro pode ser muito confuso e complicado, por isso a melhor coisa a se fazer é buscar por uma empresa de contabilidade especializada no assunto. Eles irão realizar, todos os meses, o seu cálculo de capital de giro e lhe passar o valor correto.

Necessidade de Capital de Giro

A necessidade de capital de giro é uma função que varia de acordo com o fluxo de caixa da empresa. Se o ciclo de caixa é longo, há uma necessidade maior de capital de giro, e vice-versa.

Recomendados para você: